segunda-feira, 4 de abril de 2011

Os frutos da carne e os frutos do Espírito


No mundo invisível há uma luta acontecendo o tempo todo, e essa batalha acontece dentro do nosso próprio ser: a carne contra o Espírito. Os dois se enfrentam constantemente, e tudo o que um quer é completamente contra o que o outro quer, sempre um vai se opor ao outro. Mas o mais interessante disso tudo é que os resultados que vamos obter dependem totalmente de qual desses inimigos vamos ''permitir'' vencer. São os frutos que colheremos.
No capítulo 5 da carta de Paulo aos gálatas, ele fala sobre esses frutos, os da carne e os do Espírito, advertindo que é preciso que deixemos de lado nossa natureza humana para que o Espírito de Deus dirija as nossas vidas. Não é preciso procurar muito para achar os frutos da carne: imoralidade sexual, brigas, raiva, egoísmo, desunião, e muitas outras coisas ''normais'' para o mundo. Já os frutos do Espírito são muito mais raros: o amor, a paz, a alegria, a bondade, a humildade, e tudo o que vem de Deus.
Seguir segundo a nossa carne pode parecer mais fácil, afinal ela grita. Porém o que colheremos nem se compara com o que o Espírito Santo de Deus vai nos dar. A paz que vem dEle traz uma satisfação muito maior do que qualquer coisa que esse mundo possa nos oferecer.
Precisamos calar a nossa carne! Se andamos com Cristo, crucificamos a nossa velha natureza e vivemos sob o poder do Seu Espírito. Podemos ter a certeza de que os frutos que produziremos serão muito melhores!

2 comentários:

Julix disse...

Amém!o/

Que nós,como parte do corpo de Cristo, possamos estar fortalecendo nosso Espírito cada dia mais!!!

"Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito."
Pv 4:18


->Porção dobrada da presença do Pai sobre vocês, meninas!

Abraços

juugrasel / gabijacomini disse...

Amém Juu, muitas bençãos pra ti tbm!! Beeijos ;*